Blog Desinservice

Novidades e conteúdo exclusivo sobre saúde ambiental.

Os ratos de telhado têm esse apelido por causa da habilidade de escalar paredes. Com isso a praga consegue se alojar em forros, beirais e sótãos de edificações.

Mas nem sempre o problema vem de cima. Às vezes o ninho da colônia está escondido num buraco de muro, ou mesmo no quintal da casa.

De hábitos noturnos, essas criaturas dificilmente são vistas ao vivo. Por isso é importante conhecer os sinais de infestação no ambiente.

Hoje vamos ensinar como você pode identificar a presença de ratos de telhado. Veja, ainda, os métodos mais seguros para acabar com os invasores.

Características dos ratos de telhado

Rato de telhado, rato de forro ou rato-preto: são muitos os nomes possíveis para a espécie Rattus rattus. Ela é uma das mais encontradas na zona urbana, tanto em residências quanto em empresas, e pode causar estragos significativos ao seu patrimônio.

Os danos mais aparentes são as avarias materiais, bastante comuns quando a infestação está alta. Roeduras, fezes e sujeira deterioram o local.

Porém, ainda devemos nos lembrar do risco sanitário. O rato-preto é considerado um vetor de doenças, sendo capaz de transmitir tifo, toxoplasmose e peste bubônica, entre outros males.

Esse roedor pode ser identificado pelas orelhas grandes. O tamanho também é bastante característico: de 15cm a 20cm de comprimento, ficando no meio do caminho entre o camundongo e a ratazana de esgoto.

Geralmente o rato de telhado se aloja perto de cozinhas, armazéns e zonas portuárias. Esses são lugares com grande concentração de comida. E o cardápio do bicho é variado, passando por frutas, legumes, raízes, carnes e pequenos insetos.

Saiba mais: Ciclo de vida dos ratos pode dificultar o controle de pragas

Indícios de infestação por ratos de telhado

A busca por comida acontece à noite. É por esse motivo que você raramente encontra a praga zanzando em horário comercial.  Portanto, é necessário observar outros sinais de que o ambiente está tomado por ratos. Aprenda quais são eles:

Roeduras em móveis e alimentos

Preste atenção a possíveis ranhuras paralelas. Como as criaturas têm dentes incisivos que não param de crescer, elas precisam roer qualquer material que encontrem pela frente.

O alvo principal são os alimentos na cozinha e na despensa. Além deles, objetos são atacados com frequência. Repare em rodapés, quinas de móveis, potes plásticos, caixas de papelão e fiações elétricas. Elas podem ter sido mordiscadas por ratos.

Manchas nas paredes

Os ratos de telhado gostam de seguir um caminho que já conhecem. Desse modo, depois que eles traçam a rota do ninho até a fonte de alimento, tendem a transitar sempre por ali.

Em pouco tempo as idas e vindas criam um rastro perceptível. Trata-se de sujeira e gordura que os bichos acumulam nas patas. A coloração adulterada aparece principalmente nas paredes e nos móveis.

Pegadas

Se você desconfia que há um ninho de ratos por perto, faça o teste: polvilhe um pouco de farinha pelo chão e vá dormir.

No dia seguinte, verifique se surgiram marcas de dedinhos naquele ponto. Bingo: as pegadas denunciam a presença dos invasores.

Esse sinal de infestação é corriqueiro em depósitos, porões e outros cômodos que não recebem uma faxina frequente. Aliás, talvez esteja na hora de limpar a área para evitar outras pragas urbanas, hein?

Saiba mais: Uma tarefa por dia para manter a casa limpa e organizada

Fezes

O cocô do rato tem formato cilíndrico e coloração bem escura. O tamanho varia entre 3mm e 6mm de comprimento, conforme a espécie.

Os excrementos podem aparecer em toda parte. Na área externa, costumam estar espalhados pelo jardim ou perto de lixeiras. Dentro da edificação, concentram-se embaixo dos armários, atrás do refrigerador ou próximo a qualquer outra fonte de alimento. Esse é um indício inequívoco de infestação.

Odores desagradáveis

Dependendo da gravidade da situação, você também sente um cheiro bem ruim. A urina dos ratos tem um odor parecido com o do amoníaco. Quanto maior for a população, mais intenso será o fedor.

Para piorar, pode haver animais mortos atrás de um móvel, no forro da casa ou em outros cantos de difícil acesso. Caso os cadáveres comecem a se decompor, vão liberar uma fedentina ainda mais repugnante.

Barulhos

E se o rato de telhado realmente se instalar no topo do prédio, fazendo jus ao apelido? Aí os ruídos podem ser um novo indício de infestação.

Esses barulhos se assemelham a passos humanos. Ficam mais intensos durante a noite, já que as criaturas saem para comer e causam maior movimentação no ninho.

A morada ainda serve de refúgio para o acasalamento da praga. Ou seja: uma sequência de chiados agudos pode significar que, em breve, haverá mais filhotes de ratinhos para atrapalhar sua vida.

Saiba mais: 4 pragas que causam barulhos no telhado

Como controlar infestação por ratos de telhado

O processo de desratização depende da gravidade do caso. Em locais onde a população invasora está alta demais, pode haver a necessidade de captura com gaiolas ou iscas adesivas.

Desratização em empresa alimentícia

Técnico da Desinservice instala armadilha adesiva para ratos no estoque de um supermercado.

No entanto, o método mais comum são as iscas químicas. Elas usam um raticida de ação lenta: o roedor consome o produto, volta para o ninho e morre alguns dias depois.

O procedimento é conduzido dessa maneira porque ratos de telhado são criaturas espertas. Se um membro da colônia abocanha a isca e morre logo em seguida, os demais percebem que não podem comer aquilo. Assim, a estratégia de controle se torna ineficaz.

O trabalho da imunizadora também deve ser intervalado. Em geral são feitas pelo menos três visitas, com espaço de 15 dias entre elas, para renovar os pontos de iscagem. Esse é o tempo para que todos os filhotes cheguem à fase adulta, saiam da toca e, enfim, caiam na armadilha, encerrando de vez o ciclo reprodutivo da praga.

Precisa de ajuda para acabar com os ratos de telhado na sua residência, na sua fábrica ou no seu estabelecimento comercial? Conte com a Desinservice. Nossa equipe segue as melhores práticas do mercado para um serviço seguro e eficaz.

Entre em contato conosco e solicite um orçamento para controle de ratos. Fones: (55) 3028.6888 / (51) 99548 6391.  Atendemos em todo o Rio Grande do Sul.

 

Orçamentos para Controle de Pragas, Sanitização e Higienização de Reservatórios

Posts Relacionados